A malha paulista de ferrovias tem um novo contrato de concessão assinado

18/06/2020


A malha paulista de ferrovias tem um novo contrato de concessão assinado entre a ANTT e a empresa Rumo. Estão previstos mais de R$ 6 bilhões em obras, trilhos, vagões e locomotivas.

Se o trecho todo voltar a operar, haverá a ligação de Panorama ao Porto de Santos, numa iniciativa que promete alavancar o desenvolvimento do Oeste paulista. Isso, porém, somente poderá ser dimensionado depois da operação da malha ferroviária, se isso vier a ocorrer.

Além dos investimentos, a malha aumentará a capacidade de 35 milhões para 75 milhões de toneladas, com possibilidade de atender, futuramente, 100 milhões de toneladas.

Para a sociedade, o retorno será em investimentos para 40 municípios do Estado de SP e segurança viária para 5,3 milhões de pessoas. Além da geração de mais de 7 mil empregos.

Fonte: Ministério da Infraestrutura